História!

O Estúdio em 2011 está completando oficialmente 02 anos! Nestes dois anos muita gente passou por aqui, alguns foram, voltaram, outros ficaram, mas com certeza muitas amizades aconteceram, muitas pessoas  interessantes fizeram parte desta história e trajetória. Estou escrevendo hoje para relembrar essa história, vamos lá!





Em 2008 aluguei uma sala para estudos, precisava de um tempo para dançar e me encontrar. Seu Werner,  me alugou uma peça por um preço camarada e me entregou uma sala verde, muito charmosa, mas vazia. Lá com o tempo coloquei algumas almofadas e uma caixa de som, tinha também minhas saias, lenços, elementos de dança e incensos, isso bastava para extravasar minhas emoções e dançar. Era um lugar mágico, um refúgio só meu e que poucas pessoas conheciam e sabiam que existia. Era meu esconderijo secreto!





No meio de 2009 a vida deu algumas voltas importantes e apresentou para mim a oportunidade de abrir um Estúdio, de transformar meu refúgio em uma escola de dança. Abracei a oportunidade e resolvi encarar essa estrada que se abria aos meus pés. Convidei uma amiga do coração para caminhar comigo a Liza Schaeffer e ela topou. Começou a transformação do refúgio em escola, minha mãe me deu de presente um espelho, uma comoda e um baú que era da bisavó. A Lúcia Acosta (outra amiga muito querida) me deu tapetes e me vendeu muito barato um conjunto de sofás. Eu, Júlio, Morgana, Jonas e Liza reformamos os móveis, minha mãe costurou as cortinas do vestiário e furou os dedos encapando os sofás. Aos poucos aquela sala vazia se transformava num ambiente aconchegante e envolvente. O quase vazio ficou preenchido de vida e cores!










No dia 20 de setembro de 2009 abri oficialmente o Estúdio, um dia lindo, ensolarado, poucas nuvens no céu, resumindo: perfeito. Fizemos no coreto da Fundação Scheffel, cedido gentilmente pelo amigo Ângelo, um gostoso almoço, a paella cigana do nosso amigo Clóvis Vijales, seguido de muita dança, conversas e alegrias, um ótimo começo! O dia perfeito!









Começamos dando aulas de dança cigana, eu e a Liza, mas como a vida segue, a Liza teve um convite e foi embora menos de dois meses depois, lá seguiu ela a sua estrada e eu continuei tocando o Estúdio. Na época eu trabalhava durante o dia e dava aula quase todas as noites e aos domingos, era uma correria, mas alimentava minha alma. Além das aulas regulares aconteceram cursos de maquiagem, de pandeiros e fitas, amigo secreto e muitas reuniões divertidas.






Em 2010 muitas mudanças estavam previstas nas estrelas, passei na universidade (UERGS), comecei cursar Licenciatura em Dança, lá em Montenegro. Saí do emprego que tinha e resolvi me dedicar exclusivamente a dança. Além da parte artística, outra mudança importante aconteceu na minha vida, casei com o Júlio. Outra porta foi aberta, as salas que estavam alugadas onde moramos ficaram vagas e alugamos toda a parte subterrânea do prédio. Entreguei meu refúgio/escola e recomeçamos toda a arrumação novamente e com trabalho de formiguinha trouxemos tudo para a nova sala. Essa também linda como a outra, com escarolas na parede e um banheiro muito bonitinho.



No dia 20 de setembro de 2010, já estávamos em novo endereço, mais amplo e confortável para todos. Neste dia meu amigo Alexandre Reis me entregou um lindo presente, uma placa pintada carinhosamente por ele e confeccionada carinhosamente pelo Júlio. Neste dia também o Estúdio estava oficialmente completando um ano! Fizemos uma festa de reinauguração para marcar a data, uma pequena comemoração entre alunas e amigas! Uma alegria só!




Em 2010 muitas coisas aconteceram, várias alunas pisaram pela primeira vez num palco, pela primeira vez enfrentaram o nervosismo e a vergonha e dançaram lindamente. E me deixaram orgulhosa de ver as sementes virando lindas flores.



Pela primeira vez organizei um espetáculo que apresentamos no Natal dos Sinos de 2010 em Novo Hamburgo. O espetáculo Alma Cigana resultou na criação de uma companhia artística, Patrin Caravana Cigana, que aconteceu a partir da união do Estúdio com a escola de música do Júlio. Em 2011 começamos o ano colocando nosso espetáculo na estrada, dançamos em Tramandaí, Taquari e no Caraá.





Outro marco importante para o Estúdio em 2011 foi o começo das turmas de dança do ventre, agora temos dança cigana e do ventre andando juntas. E isso trouxe mais pessoas especiais para o Estúdio. Mais alegrias para meu coração, amo de paixão essas duas danças. Para me ajudar a dar conta da dança do ventre convidei uma aluna e amiga a Cláudia Glass que está dando aulas nos dias que não posso.









Em 11 de setembro de 2011 organizei um chá para comemorar antecipadamente este dia de hoje, o 20 de setembro, o aniversário de 2 anos. E foi um dia lindo, um domingo de sol e brisa. Foi no bar do Gago e estavam lá muita gente amiga, cada um com sua energia, transformou essa comemoração tão especial como se fosse no primeiro dia, lá em 2009. Uma meta eu tinha, conseguir arrecadar fundos para colocar um espelho maior no Estúdio e consegui, daqui uns dias teremos mais um espelhão para dançar.











E a história continua sendo escrita, hoje começa mais um ciclo, que venham mais pessoas tão queridas quanto as que aqui estão ou estiveram, que possamos crescer juntas (os)! Obrigado a todos que fizeram ou fazem parte da minha história, do meu caminho, da minha caminhada, da trajetória. Obrigada Júlio e minha mãe Kathia pelo imenso apoio que me dão nesta minha escolha, com eles do meu lado me sinto forte e segura para alçar vôos ainda maiores.

"A ESTRADA NUNCA PARA. ELA DIZ: DEIXE-ME CIGANEAR TEUS PÉS, SEM BAGAGEM, COM MÚSICA E DANÇA".

Share this:

CONVERSATION

2 comentários:

  1. Meu amor, a estrada nunca para.
    Em todas as estradas do caminho minha mão estará na tua.
    Júlio

    ResponderExcluir
  2. Oi prima! Sei que esta escola de danças é um dos teus sonhos realizados, e fico muito feliz por vocês! Que siga sempre sendo um motivo de muita felicidade! Beijão, Carol

    ResponderExcluir